5


1256


1144


145476
"

Sinto-me como se fosse apenas um rio seco que não serve mais para nada. Mesmo sem água me afogo, mesmo sem ar tenho forças para imaginar voos altos. Mesmo sendo assim, caos ambulante, desastre, destruição, me vejo como uma pessoa boa, mesmo quando olho para o espelho e vejo reflexos de um ser sem coração, apenas com um sentimento: o ódio.

Nojo de mim mesmo, de sempre sonhar e esquecer que a vida não vivida de sonhos e sim de realidade. Nojo de ver meu rosto. Nojo de ser eu.

Esses cantos já são bem comuns por aqui. Meus dramas sempre são os mesmos, talvez seja minha personalidade que deixa tudo monótono e anacrônico. Anacrônico por não responder suas expectativas quando você lê este texto chulo que escrevo. Enquanto você esperava um texto de autoajuda, eu venho e te trago o pior de mim. Cuspo os meus demônios na sua face e te faço sentir a dor que sinto e o gosto amargo da minha saliva, a mesma loucura, a mesma falta de alguma coisa que já nem sei mais o que é. A falta de um final feliz.

"  - Ser amargo.

(Fonte: seramargo)



37770


5111


3423


108590


54


5451


44042


28241


116112
+